terça-feira, 25 de abril de 2017

Interpretação textual 4º, 5º ou 6º ano


ESCOLA: ____________________________________________
ALUNO(A): _______________________ DATA: ________


A árvore perfumada


            Havia uma floresta muito bonita na qual vivia um velho lenhador. Ele morava em uma casinha muito simples, porém muito aconchegante. Era solitário, mas não gostava de reclamar da vida, pois o canto dos pássaros e os animais silvestres lhe faziam companhia. Todos os dias o velho homem saia pela floresta para cortar e armazenar lenha e assim aquecer sua cabana nas noites frias.
            Em uma dessas manhãs o homem teve que percorrer um trajeto um pouco maior que o normal, pois não encontrava árvore adequada para cortar. Em certo ponto o lenhador percebeu uma árvore frondosa e de bons galhos e teve certeza que acabara de achar aquela que lhe daria boa lenha para sua lareira. Ele segurou firme o machado e começou a dar os primeiros golpes e logo percebeu que algo mágico estava acontecendo. Um perfume gracioso tomou conta do lugar e para surpresa do lenhador o perfume vinha dos cortes abertos no tronco da árvore. Então o homem pensou: “Que árvore nobre é essa que perfuma até o machado que a machuca?”.
            Tempos depois o velho lenhador soube que o nome da árvore era sândalo e que de sua madeira se fazia um dos mais agradáveis perfumes.  O morador solitário da floresta não cortou mais a árvore, pois achou que um ser tão belo não merecia a morte só para aquecer sua casa. Porém, agora sempre recolhe os galhos secos de sândalo para misturar à lenha de sua fogueira. Naquela floresta agora se pode sentir o doce aroma do sândalo a perfumar o ar, principalmente nas noites de frio.
                                                                                 
                                                                                           Jorge Luiz
Sobre o texto

1. Quais as características que o texto apresenta sobre o lenhador?
____________________________________________________________________________________________________________

2.  Por que certo dia o homem teve que andar um pouco mais que o normal?
____________________________________________________________________________________________________________

3. A que se refere o termo “mágico” no texto?
____________________________________________________________________________________________________________

4. Por que o homem se admirou com árvore?
____________________________________________________________________________________________________________

5. Por que o lenhador resolveu não mais cortar a árvore?
____________________________________________________________________________________________________________

6. Por que o texto diz que o perfume do sândalo pode ser sentido principalmente nas noites frias?____________________________________________________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opinião:

Translate